A iniciativa de um grupo de cristãos evangélicos chamou atenção de um jornal de Portugal esta semana. Isso porque eles foram vistos distribuindo panfletos e Bíblias na Rua Fernão de Ornelas, no Funchal,  uma cidade portuguesa na ilha da Madeira.

Ocorre que no local onde o grupo estava não é permitido fazer tal ação evangelística, sem primeiro solicitar uma autorização do governo.

“Este movimento religioso, composto por 8 pessoas, todas elas estrangeiras, montaram um pequeno stand e começaram a distribuir gratuitamente a bíblia e outros livros cristãos”, observou O DIÁRIO.

Na liderança do grupo estava o pastor evangélico Jason Murfitt, que foi questionado pelo jornal sobre o motivo do ato evangelístico naquela região. O pastor explicou que ele e os demais cristãos estavam “distribuindo a Bíblia para que as pessoas conheçam Deus e para que sejam salvas”.

“No entanto, o grupo não possuía autorização da Câmara Municipal do Funchal para estar naquele espaço distribuindo material religioso”, destacou o jornal.

Mas o pastor Jason surpreendeu a revista portuguesa ao responder que ele tinha a “autorização de Deus”, visto que estava apenas obedecendo às ordens do Senhor. “Tenho autorização de Deus. Ele me chamou para isso e estou aqui na obediência”, disse o pastor.

Pouco tempo depois os fiscais da região chegaram ao local e explicaram ao grupo de cristãos que não era permitido ficarem ali sem autorização. Aparentemente, reconhece O DIÁRIO, o pastor Jason e os demais irmãos em Cristo não sabiam da proibição, por isso foram pegos de surpresa.

Jerónimo Pina, chefia da Divisão de Fiscalização da Autarquia, confirmou a desinformação do grupo de cristãos ao mesmo jornal, destacando que eles foram embora do local pacificamente, assim que foram informados pelas autoridades.

Pastor Jason no Brasil

Segundo informações da Grace Baptist Mission, o pastor Jason Murfitt já esteve no Brasil, atuando como um missionário. Ele explicou que sua ida à Ilha da Madeira teve como objetivo fundar uma igreja no local.

“Durante esses anos no Brasil, Deus nos equipou para apoiar igrejas locais em dificuldades, participando do treinamento de líderes, trabalhando extensivamente com jovens e divulgando o evangelho, não apenas nos afluentes da Amazônia e nas profundezas da selva, mas em todos os lugares”, disse ele.

“Todo o norte do Brasil via rádio e TV [foi realizado o trabalho]. No entanto, pouco a pouco, o Senhor trouxe Madeira ao horizonte, confirmando seu chamado em 2016 de que ele estava nos enviando àquele campo missionário”, explicou o pastor.

Com informações: gospelmais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here